Seja bem vindo, boa leitura, será um prazer teu comentário.
Ataíde Lemos
Palavras, uma viagem pelos sentimentos.
Capa Meu Diário Textos Áudios E-books Fotos Perfil Livros à Venda Prêmios Livro de Visitas Contato Links
Textos
Amor surreal
 
Sei que é um amor distante
Sem toques,
Sem calor de corpos
Sem cheiro de pele.
 
Parece um amor platônico,
Uma fantasia,
Uma ilusão.
É um amor surreal
Um sonho bonito
Que tem dia marcado
Para ter um fim
Mas, mesmo assim
É um amor latente
Que queima o corpo
Que dá prazer
Queima o corpo
Faz os desejos efervescerem
Está tatuado na alma
Que me prende
E me faz ser feliz
Não dá pra entender
Nem quero entender
Mas, é amor pra valer.
 
É um amor louco,
Um amor solto
Livre e gostoso de sentir.
Coisas do coração
Não tem explicação
Foge a lógica do real
Mas, faz bem,
Dá prazer
E que se dane a razão.
Ataíde Lemos
Enviado por Ataíde Lemos em 10/06/2014
Comentários