Seja bem vindo, boa leitura, será um prazer teu comentário.
Ataíde Lemos
Palavras, uma viagem pelos sentimentos.
Capa Meu Diário Textos Áudios E-books Fotos Perfil Livros à Venda Prêmios Livro de Visitas Contato Links
Textos
Que tempo bom

O tempo passou
E saudade deixou:
Daquele sorriso,
Daquelas arteirices;
Do banho de chuva
Naquela pelada 
No campo da praça.
Ah! Saudade gostosa
Que o tempo não leva.

Lembra! Nós na goiabeira?
Só tinha goiabas bichadas
E disputávamos por cada uma
E aquele pé de mangueira?
E nós concorrendo quem
Mais alto nela subia.
Que tombo eu levei
E você! Ao invés de me ajudar
Saiu correndo 
Com medo de apanhar.
E a vaca Baronesa!
Pôs-nos em correria
E você ria, ria, ria...

Nem dá para contar
Tantas histórias,
Tantos instantes
Daquela bonita infância 
Que ainda mora em mim
Que me faz rir
E voltar a ser criança 
Para reviver
Tantos momentos
Que brinquei com você.
Ataíde Lemos
Enviado por Ataíde Lemos em 29/12/2013
Comentários