Seja bem vindo, boa leitura, será um prazer teu comentário.
Ataíde Lemos
Palavras, uma viagem pelos sentimentos.
Capa Meu Diário Textos Áudios E-books Fotos Perfil Livros à Venda Prêmios Livro de Visitas Contato Links
Textos
Espírito consolador
 
Chore, mas não se desespere
Coloque pra fora sua dor
Não a deixe dentro de ti,
Pois, assim, ela vai transformando
E tornando-se uma imensa ferida
Que vai sufocando sua vida.
 
Esta mesma dor eu senti
Quando meu filho
Numa dor imensa pediu
Para afastar aquele cálice
Um cálice de sangue e me calei,
Porém, meu Espírito o cobriu
E ele se fortaleceu.
Não foi para mim que se entregou
Mas, sim para ti.
 
A tua dor é grande eu sei
Esta dor eu também já passei
Não só eu, mas minha filha Maria
Que acompanhou todo o caminho
Até sua morte de cruz, o sepultamento
Cessou no momento da ressurreição
Quando suas lágrimas secaram
Transformando-as em louvores.
 
Deixo-te uma palavra de consolo
Como mandei meu Espírito
Ao meu filho nas oliveiras
E os mantive presente todo o tempo;
Como enviei o Espírito a sua mãe
Durante todo o momento da paixão
Mando meu Espírito consolador
Para você que chora esta imensa dor.

Ataíde Lemos
Enviado por Ataíde Lemos em 06/10/2012
Comentários