Seja bem vindo, boa leitura, será um prazer teu comentário.
Ataíde Lemos
Palavras, uma viagem pelos sentimentos.
Capa Meu Diário Textos Áudios E-books Fotos Perfil Livros à Venda Prêmios Livro de Visitas Contato Links
Textos
Contradição de um tempo

Viajando no tempo
Caminhando pelo passado
Vi negros humilhados
Sendo comprados como escravos.
Em praças públicas
Sendo leiloados
Como gados amarrados.

Logo ao serem adquiridos
Suas mãos e pés presos e feridos
Eram arrastados pela cidade
Como animais levados
Até as fazendas de seus senhores
Coronéis, condes e doutores.

Ainda neste mesmo tempo
Vi tais coronéis
Nas igrejas belas e luxuosas
Que por eles construídas
Repleta de obras caríssimas
Percebi que havia
Lugares com certo destaque
Bem enfrente ao altar
E lá eles estavam
Cultuando Deus.

Então me perguntei
Como poderia o homem assim ser?
De um lado, mal
Tratando o homens pior que animal
Porém entre os seus
Se fazendo de bom homem
Dando suas riquezas
As igrejas, como se fossem
Verdadeiros santos
E de grande piedade.
Ataíde Lemos
Enviado por Ataíde Lemos em 23/01/2009
Comentários